Química Orgânica (Hidrocarbonetos)

Já sabemos que a Química Orgânica estuda os compostos que contêm Carbono (C) em sua estrutura molecular. Já estudamos também a Classificação das Cadeias Orgânicas e as Funções Orgânicas Oxigenadas e Nitrogenadas e Haletos. Hoje vamos estudar os hidrocarbonetos.

Os hidrocarbonetos naturais são compostos orgânicos formados unicamente por átomos de carbono e hidrogênio. Sua nomenclatura é dada de acordo com a quantidade de carbonos e o tipo de ligação que eles fazem. O prefixo, que é a parte inicial do nome, indica a quantidade de átomos de carbono presentes na molécula. Sabemos qual prefixo usar, de acordo com o número de átomos de carbono.

Prefixos usados na nomenclatura dos compostos orgânicos:

1 C – met                                                           8 C – oct

2 C – et                                                               9 C – non

3 C – prop                                                         10 C – dec

4 C – but                                                            11 C – undec

5 C – pent                                                          12 C – dodec

6 C – hex                                                           13 C – tridec

7 C – hept                                                         14 C – tetradec

Exemplo: Se um composto tem apenas um carbono (C), seu nome sempre vai começar com met (por exemplo, o metano), se tem 2 carbonos, vai começar com et (por exemplo, o etano), e assim por diante.

Os hidrocarbonetos sempre têm o nome terminado com a letra O, e o meio do seu nome é dado de acordo com o tipo de ligação que os carbonos fazem na cadeia.

Alcanos

Os hidrocarbonetos que possuem apenas ligações simples são chamados de alcanos, e seu nome é dado da seguinte forma: prefixo + ano.

Exemplo:

  • CH³ ( 1 Carbonos e ligação simples) = met + ano = metano
  • CH³ – CH³ ( 2 Carbonos e ligação simples) = etano
  • CH³ – CH² – CH³ ( 3 Carbonos e ligação simples) = propano

Os alcanos também são chamados parafinas, por apresentarem pouca reatividade química.

Alcenos ou Alquenos

Os hidrocarbonetos que possuem ligações duplas são chamados de alcenos ou alquenos, e seu nome é dado assim: prefixo + eno.

Exemplo:

  • H²C=CH² ( 2 Carbonos e ligação dupla) = et + eno = eteno
  • H²C=CH-CH³ ( 3 Carbonos e ligação dupla) = prop + eno = propeno

Alcinos ou Alquinos

Os hidrocarbonetos que possuem ligações triplas são chamados de alcinos ou alquinos, e os nomeamos da seguinte maneira: prefixo + ino.

Exemplo de um alcino

Exemplo de um alcino

Exemplo:

( 3 Carbonos e uma ligação tripla) = prop + ino = propino

Ciclanos, Ciclo-Alcanos ou Cicloparafinas

São hidrocarbonetos de cadeia fechada que possuem apenas ligações simples. Nomenclatura: Ciclo + alcano (correspondente).

Exemplos:

Ciclanos, Ciclo-alcanos ou Cicloparafinas

Ciclanos, Ciclo-alcanos ou Cicloparafinas

Hidrocarbonetos Aromáticos

Benzeno

Benzeno

São hidrocarbonetos de cadeia fechada que possuem um anel benzênico. O benzeno apresenta um deslocamento de pares de elétrons das ligações pi, proveniente das duplas ligações alternadas.

As ligações deslocam-se por entre os carbonos que formam o anel.

Veja também nosso artigo sobre o petróleo.

Deixe sua mensagem

Your email address will not be published. Required fields are marked *