Abolição da escravatura

A escravidão no Brasil teve início logo depois da colonização dos portugueses, no século XVI. Eles precisavam de trabalhadores para os trabalhos pesados. Tentaram escravizar os índios que aqui viviam, mas não deu certo, porque a igreja foi contra e defendeu os indígenas da escravidão. Os portugueses então buscaram negros na África para trabalhar à força.

Os negros eram trazidos em porões de navios, em péssimas condições. Sem se alimentar direito, sem higiene e diante de muitos mal tratos, muitos morriam no meio da viagem. Os que sobreviviam eram vendidos como mercadorias ao desembarcar no Brasil.

Naquela época, a maioria achava normal a prática da escravidão, mas já existiam pessoas que eram contra, porém eram minoria e não tinham influência política. Por  isso a escravidão continuou por quase 300 anos, já que o trabalho escravo era praticamente o único tipo de mão de obra que movimentava a economia do Brasil naquela época.

Começa o  processo de libertação dos escravos e fim da escravidão

abolicao da escravatura

A abolição da escravatura deu fim ao trabalho escravo no Brasil

O movimento abolicionista teve início na segunda metade do século XIX. Um dos principais abolicionistas foi Joaquim Nabuco. A partir de 1870 a região sul começou a empregar e assalariar trabalhadores brasileiros e imigrantes. Na região norte o número de escravos diminuiu graças a engenhos mais novos e modernos.

Nos maiores centros urbanos, o processo para o fim da escravidão foi bem lento, já que as cidades necessitavam de novas indústrias. O governo brasileiro não queria causar prejuízo aos produtores rurais, mas pressionado pelo Reino Unido, começou o processo de libertação dos escravos bem lentamente.

A primeira medida a ser tomada foi a proibição do tráfico de negros da África para o Brasil, em 1850. Em de 28 de setembro de 1871, foi estabelecida a Lei do Ventre-Livre, que tornava livres os negros nascidos a partir da decretação da lei. Os negros com mais de 65 anos foram beneficiados pela  lei Saraiva-Cotegipe (também conhecida como Lei dos Sexagenários), em 1885.

A abolição da escravatura só aconteceu realmente em 13 de maio de 1888, com a Lei Áurea, assinada pela princesa Isabel, filha de D. Pedro II. A partir dessa data ficou proibido trabalho escravo no Brasil.

Deixe sua mensagem

Your email address will not be published. Required fields are marked *