Movimento de um Corpo

Problema que vem preocupando os sábios desde a Antiguidade, o movimento dos corpos foi estudado por Aristóteles, mas somente depois de quase 2.000 anos suas leis básicas foram formuladas. Isso foi feito por Galileu após fazer experiências sobre a queda dos corpos e o movimento destes em planos inclinados. Mais tarde, Sir Isaac Newton, a partir dos conhecimentos deixados por Galileu, estabeleceu as três leis da Mecânica. Duas delas estão diretamente ligadas ao movimento dos corpos: a Lei da Inércia (na ausência de forças, os corpos permanecem em repouso ou em movimento constante); e a segunda lei, que relaciona força e aceleração (a aceleração imprimida a um objeto é diretamente proporcional à força aplicada.

O movimento está sempre relacionado com um sistema de referência. Assim, uma pessoa no interior de um automóvel está em movimento em relação a outra sentada na calçada, por exemplo, mas encontra-se parada em relação ao motorista. Isso significa que não se pode comprovar a existência de qualquer corpo fixo no universo.

motorista

O motorista está parado em relação aos passageiros do ônibus, mas está em movimento em relação a quem está na calçada.

Tipos de Movimentos

Existem diversos tipos de movimentos estudados pela cinemática (um dos ramos da Mecânica). Nos movimentos uniformes, por exemplo, o móvel percorre espaços iguais em tempos iguais, isto é, sua velocidade é constante, enquanto nos movimentos uniformemente variados a velocidade varia continuamente de quantidades iguais em tempos iguais; sua aceleração permanece constante.

Os movimentos em que as situações se repetem a intervalos iguais de tempo são chamados periódicos, como o movimento circular uniforme e ondulatório. Também são periódicos os movimentos oscilatórios que se efetuam alternadamente sobre a mesma trajetória num sentido e no sentido contrário.

Deixe sua mensagem

Your email address will not be published. Required fields are marked *