A origem da vida

A origem da vida é um assunto que já gerou e ainda gera muitas discussões entre o mundo científico. Apesar de ainda ser contestada por alguns, a teoria mais aceita hoje em dia para a criação do planeta é a teoria do Big Bang. Segundo a teoria, o planeta Terra e todos os outros planetas do universo surgiram a partir de uma explosão que ocorreu há 4,5 bilhões de anos e, durante cerca de um bilhão de anos, sofreu processos importantes, como o seu resfriamento, possibilitando que surgisse a vida.

Abiogênese e biogênese

A abiogênese era uma teoria antiga, que acreditava que os seres surgiam do nada, simplesmente se formavam a partir da matéria bruta. Alguns cientistas chegaram a acreditar que roupas sujas fossem capazes de gerar ratos, já adultos. Acreditavam também que os lodos dos rios davam origem às cobras. Aristóteles era um desses cientistas. Dentre os vários pesquisadores que tentaram provar esta teoria está John T. Needham.

Porém, depois de muitos estudos, foi adotada a teoria da biogênese, que defende a ideia de que os seres vivos começaram a surgir de microrganismos já existentes. Estes estudos foram realizados por grandes cientistas, como Redi, Needham, Spallanzani e Pasteur.

A teoria da biogênese baseia-se na evolução química. Segundo os pesquisadores Oparin, Haldane e Miller, a vida começou a surgir a partir de arranjos de moléculas bem simples, que foram se multiplicando e se tornando moléculas mais complexas, até surgirem estruturas dotadas de metabolismo e capazes de se autoduplicar, dando origem aos primeiros seres vivos da Terra.

teoria do big bang

Segundo a Teoria do Big Bang, a Terra surgiu a partir de uma explosão no espaço

Como no planeta Terra não haviam moléculas orgânicas suficientes para que os primeiros seres vivos se multiplicassem, até que a fotossíntese surgisse, acredita-se que esses seres primitivos eram autotróficos, ou seja, produziam seu próprio alimento sem a utilização da luz. Era a chamada quimiossíntese. Até mesmo porque não havia possibilidade de mobilidade, já que a vida era possível somente em alguns locais específicos.

Depois dos seres autotróficos acredita-se que vieram os seres capazes de realizar fermentação, depois os fotossintéticos e, por último, os seres heterotróficos, que se alimentam de outros seres.

As células eucarióticas, que possuem um núcleo separado por uma membrana chamada carioteca, só surgiram há aproximadamente 2 milhões de anos. Até então, todos os organismos presentes na Terra eram procariontes, ou seja, não tinham um núcleo envolvido por carioteca. Já os organismos multicelulares, que possuem mais de uma célula, teriam surgido apenas a 700 mil anos.

O Criacionismo

Esta é a teoria mais antiga sobre a origem da vida, a que todos os seres sempre foram da forma que são hoje, e foram criados por uma entidade toda poderosa. É o que a maioria dos cristãos acredita, e por isso esse assunto nunca deixará de ser discutido. Esta teoria dificultou os estudos sobre a origem da vida durante muitos anos, devido à resistência dos religiosos.

Deixe sua mensagem

Your email address will not be published. Required fields are marked *